Brasileiro no exterior adora um carro alugado, não é mesmo? Somos assim, estamos acostumados à comodidade do transporte próprio, diferente dos Europeus, bastante acostumados com o excelente transporte público que possuem.

Mas não se sinta pior por isso, os norte-americanos por exemplo, com exceção dos moradores das grandes metrópoles, todos preferem mover-se em seus próprios automóveis. Mas, qual o sentido desta introdução? O artigo de hoje tratará de uma curiosidade, brasileiros e brasileiras que viajam ao exterior e por descuido acabam sendo roubados, de forma não violenta, tendo seus objetos subtraídos de automóveis alugados.

Com o crescente número de brasileiros viajando ao exterior, começamos a nos preocupar com situações referentes ao aluguel e uso de carros alugados fora do Brasil.

Já tratamos do assunto “dirigir no exterior”, explicando os riscos de levar somente a carteira de motorista brasileira (CNH) para dirigir no estrangeiro. Hoje falaremos sobre os perigos de roubo de itens em carros alugados, futuramente entrarei no assunto seguros no aluguel de veículos: “cobertura do cartão vs seguro pago”.

Nem toda cidade no exterior é segura

Engana-se quem pensa que roubos são comuns somente no Brasil, até mesmo no exterior você pode passar por uma situação inconveniente como esta, é comum descuidarmos quando viajamos para países mais desenvolvidos, temos uma falsa ilusão de “tudo é seguro” e damos margem aos malandros de plantão.

Muito dificilmente você será roubado na Europa ou nos Estados Unidos à ponta de faca, ou pior, à mão armada, os roubos acontecem mas não são assaltos violentos como vemos em nosso país. Mas isso é motivo para descuidar-nos?

Por essa razão, bolei uma lista com as 7 coisas mais roubadas de carros alugados, para que você possa entender os riscos e se cuidar durante sua viagem.

1) Sacolas de compras

A febre de compras dos brasileiros no exterior tem despertado a atenção de "malandros".
A febre de compras dos brasileiros no exterior tem despertado a atenção de “malandros”.

Estes são um dos itens mais procurados pelos malandros, sacolas de roupas novas são um prato cheio pois são de fácil revenda no mercado negro, imagine-se, roupa normalmente de marca e com etiqueta, quer mais?

A facilidade de colocar estes produtos no mercado faz a busca por eles crescer muito, como os turistas normalmente já tem o porta-malas cheio, acabam dando sopa e deixando estas bolsas expostas.

Se você está fazendo turismo de compras, sugerimos não deixar o carro estacionado na rua, procure um estacionamento pago, o investimento em segurança vale a pena.

2) Aparelhos de GPS

Todo turista que aluga um carro no exterior usa um GPS, é inevitável, a tecnologia veio para nos ajudar e o baixo custo do aluguel do acessório compensa.

Porém, infelizmente muitos turistas descuidados estão tendo prejuízos por não retirar o dispositivo do painel ao estacionar o carro. Verdade seja dita, GPS é fácil de ser roubado, tem um bom preço de revenda e está na lista dos itens mais procurados pelos bandidos.

Vai dar mole?

3) Notebooks

roubo-de-notebooks
Mais um dos elementos procurados pelos profissionais do mercado negro, os notebooks são eletrônicos fáceis de roubar e que possuem um alto valor de revenda, nunca deixe seu notebook dentro do carro, nem mesmo os cabos do carregador, pois podem chamar a atenção e você ter um vidro quebrado por puro descuido.

Tem gente que tem medo de deixar as coisas no hotel, por favor, qualquer hotel é mais seguro do que um notebook solto no banco traseiro de um carro alugado, estacionado num lugar suspeito.

Você é turista, não sabe dos riscos que a área oferece, deixe sua “preocupação” de lado, no hotel dificilmente alguém lhe roubará algo tão óbvio como um notebook. Ademais, talvez valha a pena investir um pouco a mais num hotel melhor, ao invés de ter que levar toda sua tralha cada vez que sair.

Quem viaja, vai a turismo, não para se preocupar com as coisas que deixou no hotel, pense nisso, escolha um hotel de boa reputação.

4) Smartphones e tablets

O que dizer dos Smartphones e Tablets? Dispositivos high-tech com grande aceitação no mercado de usados, podem chegar a custar milhares de reais. Um iPhone por exemplo, nos Estados Unidos custa cerca de 700 dólares sem contrato com operadoras, no mercado paralelo pode ser vendido rapidamente pela metade disto, e os malandros se aproveitam.

Tablets também são alvo de furto, nunca deixe seu iPad ou tablet de qualquer outra marca à vista, você poderá ter prejuízo em dobro, vidro quebrado e suas informações pessoais carregadas pelos meliantes.

Aqui trata-se muito mais do que a perda do objetivo, estes dispositivos guardam informações muitas vezes sensíveis, não facilite a vida dos malandros.

5) Bolsas e carteiras

Esquecer carteira no carro não pode!
Esquecer carteira no carro não pode!

Por incrível que possa parecer, sabemos de muitos turistas que tiveram as bolsas ou carteiras roubadas de dentro de um carro alugado, o motivo é simples: descuido.

Nunca deixe uma carteira ou bolsa dentro do carro, ali você carrega muito mais do que dinheiro, seus documentos no exterior farão muita falta, passaporte, cartões de crédito e carteira de motorista, todos importantíssimos para dar continuidade à sua viagem.

6) Reprodutores de música

Os famosos iPods, já foram mais populares e eram objeto de desejo dos gringos malandros, hoje em dia muita gente ainda carrega seus reprodutores de música para ouvir sua trilha sonora preferida enquanto desbrava esse mundão.

Infelizmente alguns turistas descuidam do objeto e acabam por deixá-los à vista no painel do carro, repetidas vezes são objetos roubados. Com facilidade na revenda, embora não custem tanto, os meliantes aproveitam as “oportunidades”.

7) Câmeras digitais

Ladrão flagrado pela câmera interna do veículo (dash cam).
Ladrão flagrado pela câmera interna do veículo (dash cam).

Essa é outra das coisas que você não pode descuidar, já ouvi tanta gente dizer: “a câmera podia até levar, mas minhas fotos…”.

Pois é, tudo bem que você possa comprar outra câmera digital e que hoje em dia elas estão mais acessíveis, mas não é somente o bem material, pense no valor sentimental das imagens ali guardadas, certamente você não irá gostar de perder suas recordações de viagem por um simples descuido.

Tome cuidado, nunca deixe objetos de valor, ou até mesmo que podem não ser tão caros, expostos no interior de um carro alugado no exterior, os riscos existem, você pode se arrepender depois de não ter tomado todas as precauções.

Considerações finais

Quando estamos longe de casa, fora de nosso âmbito conhecido e “seguro”, devemos tomar cuidado com tudo, durante uma viagem você não conhece exatamente os bairros seguros e os inseguros, acaba caindo em lugares perigosos, principalmente se está dirigindo e se perde.

É pura ilusão pensar que somente no Brasil temos criminalidade, grandes cidades norte-americanas e européias também possuem seus perigos, conheço pessoas que moram há mais de 20 anos em Paris, segundo elas, a cidade além de bela é perigosíssima.

O que dizer de países não tão privilegiados, como a Argentina por exemplo, conhecida por seu jeito malandro de roubar turistas.

Finalmente, não podemos deixar de viajar por medo de sermos roubados, isso pode acontecer em qualquer momento, em qualquer lugar, mas com certeza se você cuidar dos detalhes a chance de ser o “sorteado” diminui exponencialmente.

Quero lhe desejar uma boa viagem e torcerei para que todas as recomendações acima lhe ajudem a voltar ao Brasil com um sorriso no rosto.

* Inspirado no artigo original do Travel Insurance Review
Booking.com
Booking.com
Booking.com
Booking.com

2 Comentários

  1. Certa vez, deixamos nossa Minivan estacionada em um prédio de estacionamento em Miami, ao lado do American Airlines Arena e do Bayside. Ao voltarmos nos deparamos com algo que nos chamou a atenção. Não, não era o vidro do nosso carro alugado quebrado e alguns dos nossos pertences faltando. Era uma notificação, da equipe de segurança, para que não mais deixássemos GPS e outros pertences visíveis dentro do carro.

    Mesmo no exterior é bom ter máximo cuidado ao deixar pertences visíveis dentro do seu carro alugado.

    Ótimo artigo!

    Abraços.
    Alyson Regis Darugna

DEIXE UMA RESPOSTA