É bem possível que você esteja pensando que estou louco para supor essa condição, mas veja bem, no artigo do dia de hoje lhe explicarei o motivo de que na minha opinião Janeiro e Fevereiro podem ser os melhores meses para viajar para Europa, apesar do frio.

Compreendo que muitas pessoas se acovardam com as estações geladas, preferem ficar em suas casas e curtir o verão brasileiro, de jeito nenhum cogitam a possibilidade de trocar o sol e a praia pelo frio, neve e temporada de chuvas.

Por experiência própria, quero comentar que vale muito a pena investir seu verão no inverno europeu, quero destacar as vantagens e oportunidades que somente essa temporada lhe oferece, entre elas posso citar: preços baixos, estações de ski, filas menores, maior tranquilidade.

Quer viajar tranquilo e pagar menos na Europa? Coloque casacos em sua mala!

Inverno Europeu: até 40% mais barato

Promoções inverno europa

No inverno é possível encontrar promoções em quase tudo: hotéis, vôos, roupas e mais.


O primeiro ponto que irei comentar sobre as vantagens de viajar à Europa durante o inverno é a economia, com a temporada baixa será fácil encontrar promoções de passagens aéreas dentro do continente, trens com preços reduzidos, hotéis com preços imperdíveis e promoções de roupas.

Fique atento às oportunidades, em algumas ocasiões a barganha pode ser de até 40%. Veja bem, neste inverno europeu, no início do ano, viajei de Veneza à Paris por €17 euros com a Ryanair, me hospedei em Veneza por €40 a noite com café da manhã completo e internet grátis, comprei roupas com até 70% de desconto na capital francesa.

Essas são as maravilhas do inverno europeu, onde você consegue desconto até em hotéis de luxo, que aproveitam o frio para queimar seus preços e aquecer o turismo. Está em suas mãos aproveitar esse tipo de oferta.

Veja também:

Maior tranquilidade

O inverno é uma época tranquila na Europa.

Visitar pontos de turísticos europeus no inverno é mais tranquilo, com menos pessoas disputando o melhor ângulo para fotos.


Grande vantagem de viajar durante o inverno europeu é que boa parte dos turistas não gosta de frio, isso oferece uma tranquilidade muito maior ao andar pelas ruas, frequentar pontos turísticos e visitar museus. A densidade de pessoas por metro quadrado cai drasticamente, sobretudo nas grandes cidades como Paris, Veneza, Milão, Roma, Londres, etc., além disso somam-se os descontos que fazem você querer aproveitar ainda melhor o lugar.

No verão, estas cidades estão transbordando de turistas do mundo todo, a temporada alta frustra muita gente, pessoas como eu, como você, que sonham a vida toda em conhecer a Europa, que acompanham em filmes e acham tudo maravilhoso, mas ao chegar, se sentem como formiguinhas brigando por sobrevivência, por não serem pisoteadas.

Folhas das árvores inverno europeu.

Viajar durante a alta temporada europeia pode comprometer sua experiência, claro que é muito lindo, o sol, o sorriso na cara das pessoas que estão felizes com a chegada de um novo verão, mas engana-se quem pensa que 10 dias no verão rendem como 10 dias no inverno, engana-se quem pensa que não passará horas esperando para entrar no Vaticano, que não pegará filas no Louvre, a ponto de esperar 1h30 para ver só a Monalisa (um dos milhares de itens da coleção).

O que quero dizer sobre tranquilidade, é que com as cidades mais calmas em razão do inverno, você vai conseguir conhecer o dia-a-dia dos habitantes, irá encontrar uma cidade normal, conhecer a verdadeira identidade do povo, sem precisar brigar por um lugar ao sol.

Estações de Ski

As estações de Ski são um grande atrativo do inverno europeu.

As estações de Ski são um grande atrativo do inverno europeu.


Não há experiência mais deliciosa que esquiar, confesso ter começado com medo, mas minha aventura nas pistas de iniciantes me deixou com vontade de voltar a cada ano. Infelizmente não pegamos um professor, que poderia potencializar nosso aprendizado, mas somente o fato de descer uma montanha gelada, desfrutar do vento em nossas caras e da adrenalina causada pela alta velocidade, valeu a pena e marcou nossas vidas.

Esquiar é uma tradição, é quase um ritual na Europa, os habitantes das áreas geladas costumam frequentar as estações de Ski ao menos uma vez por semana e é muito comum que os pais levem seus filhos para aprender a esquiar desde pequenos nas férias de inverno. Esquiar é estar em família, é ver o ser humano desafiando a natureza, a gravidade.

Me deixou muito feliz ter tido a oportunidade de conhecer duas estações de Ski na Itália, a de Passo Brocon e Ski Civetta, as duas experiências foram incríveis. Em ambas há inclusive pistas noturnas que são habilitadas para o público local que trabalha durante o dia e deseja se divertir durante a noite.

Ski Civetta Italia Europa inverno

Eu e minha esposa na estação Ski Civetta na Itália.

Aqui vale uma ressalva, todo o resto do artigo fala sobre baixa temporada, mas no que diz respeito às Estações de Ski, o inverno europeu é a alta temporada e as estações são altamente disputadas, encontrar hotéis pode ser difícil, prepare-se antecipadamente.

Veja também: Cidades do Norte da Itália que não estão nos roteiros mas que você deveria visitar

Upgrades gratuitos e atendimento personalizado

Estação de trem coberta de neve na Itália.

Estação de trem coberta de neve na Itália.


Na lista de vantagens do inverno sobre o verão europeu, quero incluir essa dica, somente no inverno você terá o poder da persuasão e será atendido como um convidado ilustre, somente no inverno você conseguirá os melhores quartos de hotel com reservas simples, conseguirá uma mesa em lugar privilegiado sem mesmo ter solicitado.

O fato de haver menos clientes permite que o atendimento seja personalizado, a atenção dos funcionários será superior em razão da disponibilidade de tempo e da preocupação em atender bem aquele visitante inesperado, é no inverno que você conseguirá aproveitar da boa vontade das pessoas que lhe servem.

Lembro-me muito bem, quando fomos à Lisboa em Portugal, eram altas horas da noite, chegávamos cansados da viagem de avião e de um trecho de estrada, já pelo terceiro mês viajando sem parar, fui solicitar uma cerveja no bar do hotel e conheci uma grande pessoa. Era o próprio atendente do hotel que conversou comigo por mais de uma hora, contou suas experiências e me passou recomendações, consegui uma consultoria turística gratuita com um habitante local que me passou uma lista de locais para visitar e dicas de como conseguir chegar mais rápido, economizando em pedágio.

A paisagem no inverno é belíssima.

A paisagem no inverno é belíssima.

Viajar na baixa temporada tem seu charme, tem seu encanto, o frio pode ser contornado e a experiência potencializada graças ao sentido da exclusividade. É claro que você não estará sozinho, mas com um número menor de turistas sua viagem à Europa poderá ser ainda mais incrível.

Outros posts que podem lhe interessar:

Ainda não comprou sua passagem para a Europa? Comece fazendo uma busca para encontrar o melhor preço, clique aqui e encontre!

Considerações Finais

Nos três primeiros meses deste 2013, eu e minha esposa viajamos pela Europa ininterruptamente, ligamos o “modo turista” e começamos a bater perna pelos lugares mais fantásticos do Velho Continente, nossa experiência no frio e no inverno nos permite afirmar que viajar nessa temporada tem grandes vantagens.

Janeiro ou Fevereiro são os melhores meses para viajar para a Europa? Depende do ponto de vista, o que posso contar é que valeu a pena, que foi tudo de bom e sobretudo mais econômico.

Boneco de neve na Italia Europa

Faríamos tudo de novo, estou certo que você ao entender as vantagens enumeradas poderá tirar suas conclusões sobre o questionamento do título, se você como eu gosta de viajar tranquilo, evita perder tempo em filas, não gosta de ficar apertado em museus e salões, detesta esperar muito para se sentar e ser servido em um restaurante, sua melhor escolha é a temporada de inverno na Europa.

As vantagens enumeradas são somente algumas, você pode encontrar muitas mais vantagens do que eu, cada um vive sua experiência fora do Brasil e partindo das premissas você só tem a ganhar.

Quero lhe desejar uma boa viagem e me coloco à sua disposição para tirar quaisquer dúvidas sobre o Inverno Europeu, experiência tenho de sobra, é só perguntar nos comentários abaixo.

Grande abraço, até já.